Home » Notícias » ONU ratifica Tratado sobre Comércio de Armas

junho 4, 2013

ONU ratifica Tratado sobre Comércio de Armas

O Brasil encontra-se entre os 62 países que assinaram o documento

Em cerimônia na sede das Organização Nações Unidas, em Nova York, em 3 de junho, 62 países-membros assinaram o Tratado sobre Comércio de Armas, que regulamenta o comércio internacional de munições e armas convencionais, como as de pequeno porte, tanques de batalha, aviões de combate e navios de guerra, que movimentam estimados US$ 70 bilhões em todo o planeta.

O Brasil encontra-se entre os 62 países que assinaram o Tratado, que esperam, com a medida, que seja reduzido o fluxo de armas que chega a regiões em conflito, a senhores de guerra, piratas, grupos rebeldes, gangues e ditadores que violam os direitos humanos.

Segundo a ONU, as armas leves são a principal escolha durante conflitos internos e episódios de violência armada, apesar de as armas pesadas também serem usadas contra civis, daí a importância que o tratado cubra o comércio de todo tipo de armamento.

No Brasil, segundo levantamento da Polícia Federal, a venda de armas cresceu 378% desde 2007 e já supera os níveis anteriores à entrada em vigor do Estatuto do Desarmamento, de 2003.

Já os Estados Unidos, maiores exportadores de armas do mundo, ainda não assinaram, mas segundo o secretário norte-americano de Estado, John Kerry, o farão assim que todas as traduções oficiais do documento pela ONU forem concluídas.

Após a entrada em vigor, o Tratado ainda precisa ser ratificado pelo Legislativo de cada país-membro que assinou o texto.

Tags: ,

Pin It

Notícias Relacionadas

Comments are closed.

« Anterior: Próximo »

Voltar ao topo