Missão

A principal atividade comercial das seguradoras é compreender, gerenciar e assumir riscos. Por meio da prevenção e redução de risco, e do seu compartilhamento entre diversos atores, o mercado segurador ajuda a proteger a sociedade, estimula a inovação e promove o desenvolvimento econômico. Essas são as contribuições mais significativas do setor para uma sociedade sustentável.

A Superintendência de Acompanhamento de Conduta de Mercado (SUPAM), em conjunto com as demais áreas da CNseg, promove iniciativas de conscientização e engajamento das empresas em questões ambientais, sociais e de governança (ASG), estimulando o diálogo com organizações nacionais e internacionais e a sociedade civil.

Criada em Julho de 2012, a Comissão de Sustentabilidade tem a missão de assessorar a CNseg em disseminar conceitos e fomentar práticas de desenvolvimento sustentável no mercado segurador brasileiro, estimulando a troca de experiências e a adoção das melhores práticas pelas empresas.

Objetivos

1. Estimular a inserção das questões ambientais, sociais e de governança no âmbito das Federações que compõem a CNseg.
2. Conscientizar as seguradoras acerca da importância da inserção de conceitos ASG no desempenho do seu papel de gestoras de risco e investidoras institucionais, com ênfase especial na subscrição de risco, aplicação de seus ativos, regulação e liquidação de sinistros.
3. Fomentar a aplicação de conceitos ASG pelos demais agentes da cadeia de valor do seguro em seus negócios e operações.
4. Estimular a implementação da Política de Responsabilidade Socioambiental (PRSA) pelas empresas do setor de seguros.
5. Participar de fóruns que discutem temas relacionados ao desenvolvimento sustentável, estimulando parcerias com Governo, Comunidade Acadêmica e demais instituições e organizações nacionais e internacionais.
6. Promover a aproximação e o diálogo entre o mercado e os órgãos reguladores acerca das ações das empresas reguladas quanto à inserção dos conceitos ASG em suas operações.
7. Criar o relatório de responsabilidade socioambiental e sustentabilidade do setor de seguros.

Comments are closed.

Voltar ao topo